Em audiência pública, moradores do Stella Maris contestam a abertura de vias no Corredor Vera Arruda

Dicom/CMM

terça, 25 de junho de 2019 às 19h10

Dicom/CMM

Reunião será marcada em busca de soluções que atendam os interesses da população e dos órgãos competentes

Na manhã desta terça-feira (25), a Câmara Municipal de Maceió realizou, no Plenário Silvânio Barbosa, audiência pública para debater a abertura de vias para a circulação de veículos no Corredor Vera Arruda, no bairro Stella Maris. A discussão foi de iniciativa do vereador Cléber Costa (Progressistas).

Em julho de 2004, a estilista alagoana Vera Itália Leão Rego de Arruda faleceu após lutar contra um câncer e, no mesmo ano, ela teve seu nome imortalizado em Maceió ao ser criado um corredor cultural onde seriam expostas a história de alagoanos ilustres e ícones da cultura local.  Desde então, o corredor Vera Arruda vem sendo palco de apresentações culturais, exposições de arte, lazer para a família e local para prática de esportes.

Após a inauguração, o local passou por várias reformas, mas a mudança mais recente proposta pela Prefeitura de Maceió é a abertura de vias para circulação de veículos no espaço. Devido à importância desta problemática para a capital alagoana, membros da Associação Comunitária de Moradores do Loteamento Stella Maris e órgãos competentes participaram da audiência pública para conhecer um pouco mais o projeto e tudo que o envolve.

De acordo com o secretário adjunto de Desenvolvimento Territorial e Meio Ambiente, Tássio Rodrigues, é preciso que a população se posicione, junto com os órgãos competentes, para analisarem a melhor solução para os moradores da região e para a mobilidade urbana.

“O Corredor Vera Arruda é uma área icônica para Maceió e uma referência de lazer. Precisamos refletir para encontrar uma saída, já que cada vez mais o tráfego de carros e a quantidade de prédios crescem no Stella Maris. É fundamental discutir, junto com a população, a melhor saída para este caso”, declarou o secretário.

Para o presidente da Associação Comunitária de Moradores do Loteamento Stella Maris, José Queiroz, é necessário atenção para o crescimento vertical que está acontecendo em Maceió com o aumento do número de prédio na parte baixa da cidade. Ele ainda declarou ser contra o projeto para a implantação de vias abertas no Corredor Vera Arruda e que deve ser prezado o espaço de convivência, atividades culturais e esportivas que o corredor oferece para a população.

ÁREA PRIMORDIAL - A vereadora Silvânia Barbosa (PRTB) esteve presente na audiência pública e disse que o Corredor Vera Arruda é uma área primordial para a cidade de Maceió e deixou claro que o posicionamento dela está de acordo com o que for melhor para os moradores da região, destacando a importância da preservação de áreas de convivência como essa. O vereador Samyr Malta (PTC) também esteve presente e se posicionou ao lado dos moradores do bairro, sugerindo a utilização de outras ruas como forma de desafogar o trânsito, sem que comprometa a estrutura da praça.  

O propositor da audiência, Cléber Costa, sugeriu a formação de um grupo de discussão com o objetivo de buscar um denominador comum entre a Prefeitura e os moradores do bairro em questão.

“Estou muito satisfeito com a realização desta audiência. Devemos fazer uma reunião para dar sequência ao que foi iniciado hoje, de forma que possamos levar em consideração o posicionamento contrário dos moradores do Stella Maris a respeito da abertura de vias para o tráfego de veículos e as considerações da Prefeitura de acordo com a apresentação do projeto feita aqui, como forma de descongestionar as principais vias da região”, finalizou o parlamentar.

Mais Imagens:

Últimas Notícias