Câmara retoma atividades com aprovação de audiência pública sobre animais de rua

Luciano Milano

quinta, 01 de agosto de 2019 às 17h25

Dicom/CMM

Para o presidente Kelmann Vieira, segundo semestre será de debates e análises de projetos importantes para os maceioenses

Animais de rua e o avanço na consolidação de políticas públicas sobre o assunto. Esse é o tema de audiência pública que será realizada pela Câmara Municipal de Maceió, aprovado em requerimento na primeira sessão ordinária do segundo semestre do ano, nesta quinta-feira (1), no Plenário da Casa de Mário Guimarães. A iniciativa para o debate em torno da causa animal é do vereador Luciano Marinho (Podemos). Além desse requerimento, os parlamentares deliberaram sobre outras demandas da sociedade.

O autor da proposição defendeu e justificou a realização da audiência pública, cuja data ainda será definida pela Superintendência da Casa. “Desde o ano passado, tenho sido procurado por representantes de ONGs que lidam com a questão dos animais de ruas, abandono, maus tratos e todos os problemas que envolvem essa questão. Como se tornou assunto de saúde pública, resolvi propor o debate, em audiência pública, para que com a Secretaria Municipal de Saúde e a sociedade civil em geral possam achar uma saída para o problema. Uma das proposições dos representantes de ONGs sugere ao Poder Público criar o serviço de castração dos animais para que se diminua a população de rua dos cães e gatos, por exemplo”, declarou o vereador do Podemos.

A pauta do dia desta terça-feira ainda teve a aprovação de indicações como as da vereadora Simone Andrade (DEM), que pedem, entre outras ações ao Executivo, limpeza geral no bairro do Poço, tapa-buracos e iluminação na Rua 16 de Setembro, na Levada.

Além destas, o vereador Lobão (PR) teve iniciativas, aprovadas em bloco, também por meio de indicação, solicitando à Prefeitura de Maceió a construção de quadra poliesportiva e pavimentação asfáltica no Conjunto Virgem dos Pobres I, no Vergel do Lago.

A vereadora Silvania Barbosa (PRTB) teve requerimento aprovado para que a Casa entregue a Comenda Amiga da Criança a Aline Damasceno Rego pelos relevantes serviços prestados aos menores. Siderlane Mendonça (PEN) também vai entregar comendas, a Senador Aurélio Viana, ao Colégio Ativo, e ao Colégio Fantástico.

Por fim, Ana Hora (PSD) teve indicações aprovadas para que o Executivo encontre solução para os problemas de exames tardios na capital, assim como a criação do centro de apoio ao turista.

Para o presidente, Kelmann Vieira (PSDB), o segundo semestre promete ser de muito trabalho, diante das demandas que surgem dos bairros da Capital. “Somos o elo entre as comunidades e o Executivo, por isso, temos que ter um diálogo constante com as lideranças. Além dessa atenção especial, temos temas importantes a serem debatidos em Plenário, como a proposta de Orçamento para 2020, a regulamentação do serviço de mototaxista, discussão que já foi iniciada na casa, e a revisão do Plano Diretor, assim que a Prefeitura nos enviar o projeto, entre outros assuntos”, destacou.

Mais Imagens:

Últimas Notícias