Homenagem

Câmara homenageia guardas municipais que salvaram vida de criança em Maceió

Vítima recebeu descarga elétrica e foi reanimada com técnicas de primeiros socorros

Dicom/CMM

quinta, 02 de junho de 2022 às 18h07

Dicom/CMM

O ato de bravura de três guardas municipais foi reconhecido pela Câmara Municipal de Maceió, na tarde desta quinta-feira (2).  A homenagem foi proposta pelo vereador Siderlane Mendonça (PSB) aos agentes de segurança pública que ajudaram a salvar a vida de uma criança, após ela sofrer um choque elétrico, ao tocar num poste. O fato aconteceu este ano, na Praça dos Martírios, em Maceió.
 
“Venho da área de segurança pública e não poderia deixar de reconhecer esses guerreiros. Eles merecem pelo excelente serviço prestado e por fazer o socorro de uma criança, eletrocutada. Por sorte esses agentes preparados estavam ali para salvá-lo. Eu também critico àqueles que querem que seja privatizado o cuidado com as creches, escolas e repartições públicas. Em vez disso, nós devemos é buscar melhores condições de trabalho pra esses guerreiros, que trabalham sem arma, expondo suas próprias vidas pra cuidar da população. Vamos buscar projetos para melhorar as condições de trabalho e de vida dessas pessoas. Vocês estão de parabéns por tudo e podem contar sempre com minha defesa, com meu apoio”, destacou.
 
 
Homenageados
 
O instrutor Jefferson dos Santos Melo está na corporação há 24 anos e é o primeiro guarda municipal brasileiro com formação na SWAT: um grupo de elite da polícia norte-americana. Ao discursar na tribuna da Casa, ele se emocionou relembrando o momento em que a guarnição se deparou com a criança desacordada.
 
“Nós estávamos em um patrulhamento de rotina, quando o menino sofreu uma descarga elétrica e caiu sem nenhum sinal vital. Se não fosse o nosso conhecimento de atendimento pré-hospitalar, não conseguiríamos dar uma sobrevida a ele e levá-lo ao HGE. Lá ele fez uso do desfibrilador, foi entubado e conseguiu sobreviver. Eu agradeço ao vereador Siderlane por essa oportunidade, na Casa. O que nós guardas municipais queremos é ser ouvidos e qualificados”, concluiu
 
Evandro Sampaio, também lotado na Coordenação de Operação de Inteligência, é guarda municipal há 25 anos. Ele disse ter ficado muito feliz por ter cumprido com o dever pessoal e profissional de salvar vidas.
 
“Esse é o nosso trabalho. Há situações adversas, como essa. Mas graças a Deus a gente estava no local e fez o socorro da criança em tempo. Isso nos traz muito vigor, muito ânimo. É algo que engradece. Situações que encontramos na rua nos remetem aos nossos filhos, aos nossos pais. E em situações como essa vamos fazer o possível para não haver danos colaterais”, comemorou.
 
O terceiro guarda homenageado, Humberto Ramos, não esteve presente por questões de  saúde.
 
Reconhecimento
 
O vereador Luciano Marinho (MDB), que presidiu a sessão e é casado com uma guarda municipal, reconheceu a importância da categoria e também parabenizou aos profissionais pela coragem.
 
“Parabenizo pela justa homenagem a vocês. Não apenas pela ação em prol do menino, mas pelos relevantes serviços prestados por todos, representados pelos senhores. Assim como o vereador Siderlane Mendonça, ire Irei me opor a qualquer tipo de projeto que chegue aqui, dessa natureza. Conheço de perto a realidade de vocês e é importante que essa Casa, enquanto representação popular, possa lutar junto à gestão municipal para que a gente possa reestruturar a guarda com melhores salários, para que se sintam mais motivados a exercer a função”, ressaltou.
 
Na tribuna, a vereadora Silvânia Barbosa (MDB) evidenciou a necessidade de melhorias e de melhorias na carreira, para que os profissionais e a sociedade possam estar cada vez mais seguros.
 
“Esse reconhecimento que a Casa está fazendo é mínimo. O maior reconhecimento é melhorar a categoria, investir mais em segurança, em vocês próprios, em cursos, capacitações. Muitas vezes vocês querem fazer, mas não tem condições. Hoje, vereadores, uma boa parte da segurança da nossa cidade se deve aos guardas municipais”, destacou.
 
Já o vereador Raimundo Medeiros (PTC) destacou, também, as adversidades enfrentadas de forma contínua pelos guardas e garantiu que não apoiará nenhum projeto de privatização dos serviços públicos. Inclusive, os de segurança.
 
“Criar projetos para a iniciativa privada contratar vigilantes pra escolas e esse tipo de coisa é um absurdo. Eu sou totalmente contra. Parabenizo vocês pelo grande trabalho e pela iniciativa que têm. Não só pela atitude do garoto – muito importante – mas pelo trabalho geral”, reforçou.

 

Imagens do Álbum

Últimas Notícias