Câmara entrega título de Cidadão Honorário a cônego Everaldo Rodrigues

sexta, 22 de outubro de 2021 às 10h47

Honraria foi proposta pelo vereador Fernando Holanda com aprovação unânime da CMM

A atividade eclesial do cônego José Everaldo Rodrigues Filho foi reconhecida pela Câmara Municipal de Maceió que lhe concedeu o título de Cidadão Honorário, na manhã desta sexta-feira (22). A proposição foi do vereador Fernando Holanda (MDB) que destacou não só sua atividade paroquiana, mas sua contribuição acadêmica para o Ensino Médio e Superior no Estado.
 
"O padre Everaldo tem uma atuação diferenciada na comunidade incentivando e oxigenando atividades paroquiais não somente com as festividades, mas principalmente nos vários movimentos da igreja. Tudo isso sem deixar de incentivar os paroquianos a praticarem atividades sociais", disse Fernando.
 
Por vídeo, a vereadora Gaby Ronalsa (DEM) também parabenizou padre Everaldo por ter uma dedicação especial a formação da juventude por meio de sua contribuição ao Encontro de Jovens com Cristo (EJC). "Talvez o senhor não lembre de minha participação no EJC, mas foi nosso diretor espiritual e sou muito grata por isso e não poderia deixar de no dia de hoje, mesmo à distância, também prestar minha homenagem ao senhor", disse Gaby. 
 
Em seu discurso, padre Everaldo destacou o compromisso social e espiritual com a atividade religiosa que se iniciou a partir da dedicação de seu avô, Moacir Souza. Para ele o mais importante é que a atividade sacerdotal possa contribui para o envolvimento das pessoas com a fé mas, principalmente, refletir em ações positivas na sociedade. 
 
"Foi meu avô Moacir de Souza quem me trouxe para perto de Cristo e assim descobri minha vocação sacedotal. Tive uma caminhada de estudos e dedicação. Fui estudar Teologia no Rio de Janeiro. Em 1992 regressei para Maceió e tornei-me sacerdote católico e desde então sirvo ao povo da capital pregando o nome de Deus e praticando a caridade. Esta homenagem feita pela CMM é o reconhecimento do meu trabalho e me sinto lisongeado. Procuro me dedicar a esse trabalho com ardor. Muito obrigado ao querido povo de Maceió. Compreendi como é importante amar esse povo. E que Deus me conceda o direito de lutar por uma sociedade mais justa, onde não haja divisão de classes, e que possamos eliminar o enorme abismo entre ricos e pobres, pois eles são o tesouro de Deus" destacou o padre Everaldo. 
 
Participaram do evento o diácono Pita, representando a Arquidiocese de Maceió. Sérgio Texeira, do Encontro de Casais com Cristo (ECC), Neto Matias, do Segue-me, e representando os paroquianos da Igreja de São Pedro, Hélder Torres Cavalcante. A mãe do homenageado Iraildes Rodrigues também teve lugar de destaque na mesa. 

Mais Imagens:

Últimas Notícias